Lost Kings

Misturas improváveis, com influências do House e de estilos eletrónicos mainstream. A dupla da EDM Lost Kings usou uma variedade de abordagens na criação das suas músicas.

Os DJs Robert Abisi e Nick Shanholtz uniram-se através da paixão que nutrem pela música eletrónica, depois de ambos se terem mudado para a costa este de Los Angeles.

Em 2014, começaram a fazer músicas em conjunto, já como Lost Kings, focando-se principalmente em remixes de outros artistas em cima de composições originais.

Chamaram, imediatamente, a atenção com remixes não oficiais de temas de artistas como DisclosureThe KillersDirty South, ganhando força suficiente para assinar um acordo com uma agência de representação.

Em 2015, lançaram o EP “The Bad”, seguido, no ano seguinte, pelo EP “The Good”. Com tours frequentes e a popularidade a crescer, Lost Kings começaram a receber convites para remixes oficiais de nomes importantes da músicca. Nesse ano, trabalharam novamente o sucesso de Tori Kelly, “Should’ve Been Us”, e, em 2016, lançaram um remix oficial para Rihanna, do tema “Work”. Além do sucesso impressionante deste remix, os Lost Kings também assaltaram as tabelas de vendas com as suas composições, incluindo “Phone Down”, com Emily Warren, e, no início de 2017, “Quit You”, com Tinashé. Seguiram-se “Look at Us Now”, com Ally Brooke e A$AP Ferg, e “First Love”, com Sabrina Carpenter.

O lançamento dos singles “When We Were Young”, com Norma Jean Martine, e “Drunk As Hell”, com Jesper Jenset, em 2018, permitiram-lhes uma aparição no Paper Crowns EP, no início de 2019.